O Arapyaú é uma instituição filantrópica brasileira que promove o desenvolvimento baseado na valorização das dimensões natural, social e econômica.

O instituto mobiliza sociedade civil, filantropia, academia, setor público e privado para fomentar redes transformadoras capazes de criar soluções sistêmicas e escaláveis, que respondam a desafios como as mudanças climáticas e a perda da biodiversidade. Acredita na colaboração e na diversidade como a única forma de enfrentar essas questões.

Ao longo de sua história, o Arapyaú fomentou a criação de redes como: a Coalizão Brasil, Clima e Floresta e Agricultura, o MapBiomas, Uma Concertação pela Amazônia, a Agência de Desenvolvimento Regional Sul da Bahia (ADR) e a Rede de Articulação Política para a Sustentabilidade (RAPS). O Arapyaú também apoiou a criação da ONG Taboa Fortalecimento Comunitário, do Centro de Inovação do Cacau, da Identificação Geográfica Sul da Bahia, entre outras organizações.

Atualmente, o Instituto concentra a sua atuação na Amazônia Legal e no sul da Bahia, dois territórios com reconhecido capital natural.

TERRITÓRIOS DE ATUAÇÃO

Amazônia
Amazônia

Nesse território com dimensões continentais, o Instituto atua com foco na articulação de diferentes pessoas e iniciativas para fomentar um modelo que alia desenvolvimento com conservação e bem-estar.

Sul da Bahia
Sul da Bahia

Onde o Arapyaú iniciou suas atividades e busca tornar a região uma referência brasileira de desenvolvimento sustentável por meio da mobilização de redes e fomento a iniciativas de fortalecimento institucional, dinamização da cadeia do cacau e educação.

O instituto foi fundado e é financiado pelo empresário Guilherme Leal, acionista da Natura&co e investidor de impacto socioambiental.

Clique aqui para acessar o nosso Código de Ética e Conduta